quinta-feira, 6 de setembro de 2012

COMO FLECHAS NA MÃO DO GUERREIRO

A algum tempo atrás pedi ao Senhor que gostaria de ver as pessoas e circunstâncias com os olhos dEle. Então Ele me fez compreender o seguinte texto:

Mateus 6.22 e 23 versão NVI

Os olhos são a candeia do corpo. Se os teus olhos forem bons, todo o seu corpo será cheio de luz. Mas se os seus olhos forem maus, todo o seu corpo será cheio de trevas. Portanto, se a luz que está dentro de você são trevas, que tremendas trevas são!

O texto fala da maneira como enxergamos. Se a forma como enxergamos tudo for pelos princípios de Deus, toda nossa vida terá luz. Se a forma como enxergamos não for pelos princípios de Deus estaremos em trevas. Se os teus paradigmas forem trevas, sua vida estará em trevas.

Quer ver tudo com os olhos de Deus? Deixe sua mente ser renovada! Você será transformado. Sua vida terá a luz de Deus e você provará a boa, perfeita e agradavél vontade do Senhor (Rm 12.2).

Uma área muito importante para nossas vidas é a maneira como educamos e direcionamos nossos filhos.

O Salmo 127.3 e 4, versão NVI, diz:

Os filhos são herança do Senhor, uma recompensa que Ele dá.
Como flechas nas mãos do guerreiro são os filhos nascidos na juventude.

Imagine o que um guerreiro deve fazer para lançar uma flecha e acertar um alvo. Ele precisa estar na posição certa, saber qual é o alvo que deseja atingir, empregar força, direcionar a flecha .....

Com os filhos é o mesmo!! Nós precisamos estar bem posicionados, firmes em Cristo. Sabermos o alvo que desejamos atingir. É preciso esforço, educar requer esforço. Direcioná-los em tudo: no relacionamento com Deus, amizade, profissão, estudos, namoro, etc.

Eu desejo que os meus filhos cumpram a vontade de Deus, aquilo que o Senhor têm como propósito para a vida deles. E você, o que deseja? O que têm feito para isto? Analise, pondere.

Nossos filhos... nossa família é um tesouro... Vamos cuidar bem das nossas!!!!

Graça e Paz.

Cassia Teixeira

Um comentário:

  1. Nossa! Que coisa mais séria é ser mãe e pai.

    ResponderExcluir